PREFEITOS E TÉCNICOS DA FAMURS VÃO PARA A EUROPA

A missão dos prefeitos e técnicos da Famurs é atrair novas empresas para os municípios nas áreas de indústria criativa, turismo e educação. Os gestores possuem uma série de agendas nas cidades de Braga e Porto, em Portugal; e nas cidades de Barcelona e Madrid, na Espanha.

O grupo que compõe a Missão Internacional possui a presença do presidente da Famurs e prefeito de São Borja, Eduardo Bonotto; do presidente eleito da Federação e prefeito de Restinga Sêca, Paulinho Salerno; do vice-presidente e prefeito de Guaíba, Marcelo Maranata; do prefeito de Santo Ângelo, Jacques Barbosa; do prefeito de Santa Rosa, Anderson Mantei; do superintendente Darlan Santos; do coordenador de turismo, Mário Nascimento; do coordenador técnico de Comunicação da Famurs, Voltaire Santos e do secretário de desenvolvimento econômico de Santa Rosa, Odaylson Eder.

A comitiva embarcou neste sábado (28/05) para Portugal onde manterá contatos com agências de desenvolvimento na cidade do Porto, na segunda-feira. Na terça-feira (31/05), os representantes gaúchos se deslocarão para a cidade de Braga onde terão a oportunidade de conhecer o InvestBraga, um programa com elevado potencial empreendedor que visa a geração de empregos em diferentes áreas da tecnologia. E na quarta-feira, o grupo se desloca para Barcelona, na Espanha, para reunião na ACCIÓ, agência de desenvolvimento da Catalunha. Na quinta-feira participam de encontro com investidores em Madrid e encerram a agenda com audiência na Embaixada do Brasil, em diálogo com empresários espanhóis.

Conforme o presidente da Famurs e prefeito de São Borja, Eduardo Bonotto, o objetivo da viagem é reunir experiências para a criação de uma agência de desenvolvimento para os municípios gaúchos. “Como presidente da Famurs tenho este compromisso com os municípios gaúchos. Criarmos uma área técnica com especialistas que possam desenvolver o trabalho de planejamento e execução, com intuito de desenvolver as potencialidades de cada um dos 497 municípios. Essa agência de desenvolvimento municipal terá a liderança da Famurs e outras entidades. Será um legado construído agora e com a continuidade do presidente Paulinho Salerno”, ressaltou o presidente Bonotto.

Para o presidente eleito da Famurs e atual responsável pela câmara temática de Inovação da entidade, Paulino Salerno, a missão internacional vai aproximar os municípios de diversos cases da nova economia. “Tivemos recentemente o South Summith em Porto Alegre onde conhecemos diversos cases que podem fazer a diferença nos municípios. E agora em Portugal e Espanha vamos trabalhar para buscar soluções que façam a diferença para os moradores dos nossos municípios. Trazer novas experiências faz parte da gestão de Inovação que começamos na gestão do presidente Bonotto e que seguirá ganhando uma dedicação especial em nossa gestão”, ressaltou Salerno.

A comitiva gaúcha, além de conhecer projetos e programas em diferentes áreas do desenvolvimento socioeconômico, buscará a atração de empreendimentos internacionais para as diferentes regiões do Estado. Entre as reuniões dos prefeitos há agendas com investidores das áreas de transformação digital, mobilidade, saúde, turismo, indústria criativa, energia e meio ambiente e produção industrial avançada.

“É uma oportunidade para mostrar nossas potencialidades e atrair investimentos internacionais, aprimorar tecnologias de gestão e fazer do fator inovação uma vantagem competitiva”, disse o prefeito de Santo Ângelo, Jacques Barbosa. Para o Vice-presidente da Famurs e prefeito de Guaíba, Marcelo Maranata, a missão servirá para a busca de soluções também na área de startups. “Nossos jovens precisam observar que as grandes soluções das empresas de tecnologia podem ser desenvolvidas até mesmo dentro de casa. Há um movimento de novos empregos surgindo na busca de soluções para empresas. Temos então que buscar a qualificação deste jovem e colocar ele no mercado de trabalho”, disse Maranata.

O prefeito de Santa Rosa, Anderson Mantei, destacou a troca de experiências que a missão vai proporcionar. “É fundamental observarmos como o mercado português e espanhol está atuando. Vamos aprender muito sobre estratégias para impulsionarmos o turismo de nossas cidades gaúchas. Portugal virou um case nos últimos anos. E esse planejamento pode ser implementado nos municípios gaúchos”, disse o prefeito Mantei.

Comentários