FIOCRUZ ENTREGA QUASE 5 MILHÕES DE DOSES AO PNI

Fiocruz começa a envasar 1º lote da vacina de Oxford | Poder360

A Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz) deve entregar nesta sexta-feira (28) 4,9 milhões de doses da vacina Oxford/AstraZeneca contra a Covid-19 ao PNI (Programa Nacional de Imunizações), do Ministério da Saúde, após retomada da produção na última terça-feira (25). A interrupção de cinco dias foi causada pela falta de insumos para a fabricação do imunizante. Mas um lote de IFA (ingrediente farmacêutico ativo), vindo da China, chegou no último sábado (22), com uma quantia suficiente para a produção de 12 milhões de doses. Com a nova remessa, segundo a fundação, estão asseguradas a produção de vacinas até a terceira semana de junho e entregas ininterruptas até 3 de julho. Na semana passada, a fundação chegou à marca de 41,1 milhões de vacinas disponibilizadas ao PNI, das quais 37,1 milhões de doses processadas pela instituição e 4 milhões de doses importadas da Índia. Na próxima semana, a previsão de entrega é de mais 5,1 milhões. Ao todo, estão previstas 100,4 milhões de doses na primeira fase de produção, até o fim de junho. Mas a expectativa da fundação, para as próximas semanas, é receber quantidades menores de matéria-prima que sua capacidade produtiva, o que poderá causar novas interrupções da produção. Coronavac — O Instituto Butantan também retomou a produção da vacina CoronaVac na quarta-feira (26), após receber lote de 3 mil litros de insumos. A produção do imunizante havia sido interrompida em 13 de maio por falta de matéria-prima. A expectativa é entregar mais 5 milhões de doses da vacina ao PNI, em 15 dias. O instituto já entregou mais de 47 milhões de doses. Apesar da incerteza, mantém a previsão de entrega de 100 milhões de doses até 30 de setembro. Pfizer — Um novo lote com 629.460 doses da vacina Pfizer contra a covid-19 chegou ao Brasil na quarta-feira (26). Foi a quinta remessa do imunizante desde o final de abril. A previsão é que 200 milhões de doses sejam entregues este ano, o que permitirá a vacinação de 100 milhões de brasileiros, já que o imunizante requer duas doses – no país está sendo aplicado com intervalo de três meses. O Ministério da Saúde distribuiu aos estados e Distrito Federal 33 milhões de doses em maio. O recorde mensal de envio do imunizante foi alcançado nesta quinta, quando começou a distribuição de 6,7 milhões de doses. Segundo a pasta, já foram disponibilizadas 96,7 milhões de doses e aplicadas 63,7 milhões desde o início da campanha, em 18 de janeiro.

HOJE TEM AUXILIO EMERGENCIAL PARA PORTADORES DO NIS 9

Calendário de saques da 2ª parcela do Auxílio Emergencial; confira!

A Caixa Econômica Federal libera nesta sexta-feira o pagamento da segunda parcela do auxílio emergencial para trabalhadores informais nascidos em novembro. O saque em dinheiro para o grupo poderá ser feito a partir do dia 16 de junho. Na primeira parcela, em abril, foram creditados mais de R$ 479 milhões a 2,31 milhões de cidadãos inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) e no site ou aplicativo da Caixa.  Até a liberação da retirada em espécie, o valor pode ser movimentado por meio do aplicativo Caixa Tem. Pelo sistema, os beneficiários conseguem pagar boletos, comprar pela internet e pelas maquininhas de estabelecimentos comerciais. Outra opção é utilizar o Pix, sistema de pagamentos instantâneo do Banco Central. A única exceção às transações se dá para os casos de transferência para conta de mesma titularidade. O calendário do público geral (aplicativos e meios digitais e inscritos no CadÚnico) é dividido em quatro ciclos, de créditos e de saques. Já os integrantes do Bolsa Família recebem de acordo com o calendário regular do programa. Nesta sexta-feira, recebem o benefício as pessoas com NIS (Número de Identificação Social) final 9.

PENAS MAIS SEVERAS PRA CRIMES PELA INTERNET

Presidente Bolsonaro discursa na Cúpula do Clima; veja o vídeo - Meon

O presidente Jair Bolsonaro sancionou o aumento das penas para os crimes de invasão de dispositivo (celulares ou computadores), furto qualificado e estelionato ocorridos em meio digital, conectado ou não à internet. A mudança no Decreto-Lei nº 2.848, de 7 de dezembro de 1940 (Código Penal), foi feita pelo Congresso Nacional no início de maio. De agora em diante, quem invadir dispositivo informático para obter, adulterar ou destruir dados ou informações sem autorização do dono, ou ainda instalar vulnerabilidades para obter vantagem ilícita, terá pena de um a quatro anos mais multa. Antes, a pessoa ficava no máximo um ano presa. Se a invasão provocar obtenção de conteúdo de comunicações eletrônicas privadas, segredos comerciais ou industriais, dados sigilosos ou o controle remoto não autorizado do dispositivo invadido, a pena será, de acordo com o substitutivo aprovado pelos parlamentares, de reclusão de dois a cinco anos (eram seis meses a dois anos). As penas ficarão ainda maiores, elevadas de um a dois terços, se o crime causar prejuízo econômico à vítima. Fraudes e spams criminosos —- a nova regra estabelece ainda que ficará de quatro a oito anos preso e pagará multa quem for responsável por fraude cometida com a utilização de informações fornecidas pela vítima ou por terceiro induzido a erro por meio de redes sociais, contatos telefônicos ou envio de correio eletrônico fraudulento. Essa pena será agravada em um a dois terços “se o crime é praticado mediante a utilização de servidor mantido fora do território nacional”. As penas também podem ser elevadas de um terço ao dobro, se o crime é cometido contra idoso ou vulnerável.

GRUPO ESPANHOL VENCEDOR DA LICITAÇÃO DE PEDÁGIOS NO ESTADO ANUNCIA REDUÇÃO EM 50% NO VALOR

Jefferson Botega / Agencia RBS

Uma estrada melhor, duplicada e com pedágio mais barato. A cada dia que passa, os usuários da RS-287 ficam mais próximos de encontrar uma nova realidade quando forem usar a rodovia entre Tabaí e Santa Maria. O grupo espanhol Sacyr, que foi o vencedor da licitação, já está se estabelecendo no Rio Grande do Sul. O leilão foi realizado em dezembro.  A concessionária será denominada Rota de Santa Maria. A sede administrativa, onde funcionará o Centro e Controle Operacional, serão sendo instalados em Santa Cruz do Sul. A empresa que está sendo criada ainda corre para cumprir uma série de obrigações. Essa etapa deve ser concluída em 22 de junho. A assinatura do contrato ocorrerá após essa data. Depois disso, a concessionária tem mais 30 dias para iniciar a sua atuação na RS-287. A expectativa do gerente de desenvolvimento de negócios da Sacyr, Leandro Conterato é que até o fim do mês de julho a empresa já estará atuando nos 204,5 quilômetros da rodovia. O consórcio deverá investir R$ 2,7 bilhões, sendo R$ 1 bilhão já nos primeiros dez anos, e cumprir o cronograma de obras, incluindo a duplicação de 204,5 quilômetros. A primeira ação a ser percebida pelo usuário é a redução da tarifa nas praças de Candelária e Venâncio Aires. O valor atual, gerido pela Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR), é de R$ 7,00 nestes locais. A tarifa de pedágio proposta pelo consórcio foi de R$ 3,36. Porém, este valor será corrigido pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) de maio de 2019. A estimativa do governo é que haja um reajuste de aproximadamente R$ 0,30.  Somente após o décimo-segundo mês de contrato, as demais três praças – em Tabaí (km 47), em Paraíso do Sul (km 168) e em Santa Maria (km 214) – começarão a funcionar. Esse prazo até pode ser antecipado. Mas a concessionária precisará antecipar a conclusão dos trabalhos iniciais.

JÁ PRÓXIMOS DAS OLIMPÍADAS JAPÃO AMPLIA RESTRIÇÕES PELA PANDEMIA

Preocupações sanitárias no Japão a 100 dias dos Jogos de Tóquio | Exame

Em uma medida que já era esperada há alguns dias, o governo do Japão decidiu nesta sexta-feira estender o estado de emergência em Tóquio e outras regiões do país por cerca de três semanas, até 20 de junho, já que a pandemia do novo coronavírus não mostra sinais de enfraquecimento menos de dois meses antes da abertura dos Jogos Olímpicos de Tóquio-2020, adiados em um ano por causa do surto global de covid-19. O estado de emergência na capital e em outras oito regiões do Japão estava programado para terminar nesta segunda-feira, mas o sistema médico continua sobrecarregado. O país viu um número recorde de pacientes com covid-19 em estado crítico nos últimos dias, mesmo com a quantidade de novas infecções diminuindo. As restrições impostas pelo governo a partir de agora proíbem restaurantes de servirem bebidas alcoólicas ou oferecem serviços de karaokê e os obriga a fechar até as 20 horas. O limite de participação em eventos esportivos e shows também permanecerão em vigor. “Em Osaka e Tóquio, o fluxo de pessoas está começando a aumentar e há preocupações de que as infecções também aumentem”, disse o ministro da Economia, Yasutoshi Nishimura, que também chefia as medidas contra o novo coronavírus no país, no início de uma reunião com especialistas. As autoridades sanitárias japonesas posteriormente aprovaram a proposta do governo e o primeiro ministro Yoshihide Suga anunciou oficialmente as extensões nesta sexta-feira. “O número de casos baixou desde meados do mês, mas a situação continua sendo incerta”, declarou o político. As preocupações com as variantes do novo coronavírus e uma lenta campanha de vacinação no Japão levaram a pedidos urgentes de médicos, alguns executivos e centenas de milhares de cidadãos para cancelar os Jogos Olímpicos, que devem ser realizados de 23 de julho a 8 de agosto. Autoridades japonesas, o Comitê Organizador dos Jogos de Tóquio-2020 e o Comitê Olímpico Internacional (COI) disseram que o evento seguirá em frente com medidas estritas de prevenção do novo coronavírus.

POPULAÇÃO EM GERAL E PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO TEM VACINAÇÃO AUTORIZADA PLEO MINISTÉRIO DA SAÚDE

Entenda como será a vacinação contra covid-19 no Brasil - TecMundo

O Ministério da Saúde confirmou, em nota técnica publicada nesta sexta-feira, a vacinação contra a Covid-19 da população geral por ordem decrescente de idade e, paralelamente, dos profissionais da educação. De acordo com o informe, no caso dos profissionais da educação, a orientação é seguir essa ordem de prioridade: creches, pré-escolas, ensino fundamental, ensino médio, profissionalizantes e EJA e, na sequência, trabalhadores da educação do ensino superior. O início da imunização da população em geral com idade entre 18 e 59 anos, segundo a pasta, se dá porque estados e municípios relataram demanda diminuída dos grupos elencados no plano de vacinação. Esse grupo poderá começar a ser imunizado de maneira escalonada e por faixas etárias decrescentes, desde que a vacinação dos grupos prioritários restantes seja mantida e cumprida, de acordo com a ordem estabelecida pelo PNO. A pasta afirmou que vai enviar doses aos estados, de forma escalonada, para atender a esse público, juntamente com outros grupos prioritários definidos pelo Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19 (PNO). As recomendações foram pactuadas na Comissão Intergestores Tripartite (CIT), realizada nesta quinta-feira, com representantes do Ministério da Saúde, estados e municípios. As orientações constam em uma nota técnica do Programa Nacional de Imunizações (PNI).

DIAS 31 E 02 TEM VACINA CONTRA A GRIPE EM VERANÓPOLIS

A Secretaria Municipal da Saúde informa que na próxima semana segue sendo realizada a Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza em Veranópolis. Além dos profissionais da saúde, gestantes e puérperas, estão sendo contemplados também os longevos com 60 anos ou mais e todos os profissionais das escolas de ensino básico (creche, pré-escola, ensino fundamental, ensino médio, profissionalizantes e EJA) e superior, de instituições públicas e privadas. A imunização será realizada na segunda-feira, 31 de maio, e na quarta-feira, 02 de junho, das 8h às 16h, no salão da gruta Nossa Senhora de Lourdes. Para as crianças de 6 meses a menores de 6 anos, a vacina contra a influenza estará disponível nos Postos de Saúde. Longevos devem apresentar a carteira de vacinação e um documento de identidade. Já os profissionais das escolas devem portar também um comprovante de vínculo empregatício. ⚠ É importante que todos que fizeram a vacinação contra a COVID-19 aguardem o intervalo de 14 dias para a realização da vacina contra a gripe.

ESTAÇÃO RODOVIÁRIA É PONTO APENAS PARA EMBARQUE E DESEMBARQUE ATÉ 15 DE JUNHO

Terminais Rodoviários e Urbanos Veranópolis-RS em Veranópolis, Rio Grande  do Sul, Brasil por Lucimara Amaral - Ônibus Brasil

A Estação Rodoviária de Veranópolis, estará funcionando no atual endereço (R. Gal Flores da Cunha, 1150) até o dia 15 de junho, apenas como ponto de embarque e desembarque de passageiros. Os ônibus continuam até essa data estacionando no local para que os passageiros possam acessar os veículos e as passagens deverão ser adquiridas diretamente com os motoristas e cobradores. Para saber sobre os horários das linhas que passam por Veranópolis, as pessoas interessadas podem acessar os sites das principais empresas de transporte que realizam transporte intermunicipal e passam pela Terra da Longevidade. A partir do dia 16 de junho a Rodoviária de Veranópolis estará alocada em um novo endereço, o qual em breve será divulgado pelos meios de comunicação do município. ➡️ Empresa Bento Transportes: http://www.bentotransportes.com.br/horarios (escolha a opção “itermunicipal”); ▪️ Venda de passagens on-line: https://e-commerce.passagensweb.net/esipe/Venda/bentotransportes/Principal ➡️ Unesul: https://www.unesul.com.br/ ▪️ Venda de passagens on-line: https://unesul.queropassagem.com.br/?gclid=Cj0KCQjwhr2FBhDbARIsACjwLo0Od039Y7bFaDivLWY1n_YamuuNnEk0m-_fa7kVZeuAhi-Szy9AljMaAkO5EALw_wcB


Comentários