RS TEM 20 REGIÕES EM VERMELHO

O mapa preliminar da 37ª rodada do Distanciamento Controlado deixou, nesta sexta-feira, 20 regiões em bandeira vermelha, o que significa alto risco de esgotamento da capacidade hospitalar e velocidade de contaminação do coronavírus. De acordo com o Governo do Rio Grande do Sul, nesta semana, apenas a região de Caxias do Sul recebeu bandeira laranja. As regiões em bandeira vermelha são: Porto Alegre, Bagé, Cachoeira do Sul, Canoas, Capão da Canoa, Cruz Alta, Erechim, Guaíba, Ijuí, Lajeado, Novo Hamburgo, Palmeira das Missões, Passo Fundo, Pelotas, Santa Cruz do Sul, Santa Maria, Santo Ângelo, Santa Rosa, Taquara e Uruguaiana.  Os municípios e associações regionais podem apresentar, até as 6h de domingo, pedidos de reconsideração de bandeiras, que serão analisados pelo Gabinete de Crise, para que o mapa definitivo seja divulgado na segunda-feira. A medidas do Distanciamento Controlado passam a valer oficialmente na terça-feira. 

Serra Gaúcha

De acordo com o governo, a região de Caxias do Sul recebeu a bandeira laranja nesta rodada por causa da redução expressiva de indicadores de óbitos – nos últimos sete dias, que foi de 68 casos para 50 – e hospitalizações, que teve queda de 25% (de 259 para 194), mesma porcentagem de redução no cálculo por 100 mil habitantes, que passou de 21,83 para 16,35. Além disso, a região de Caxias do Sul se destacou pela redução de pacientes internados em UTI (por SRAG e por confirmados Covid-19) e de confirmados Covid-19 em leitos clínicos. Enquanto na 35ª rodada a macrorregião contava com 133 pacientes confirmados internados em leitos intensivo, na 36ª rodada o quantitativo passou para 101 e, na atual mensuração, reduziu para 78, informou o governo. 

IDENTIFICADO CASO DE REINFECÇÃO NO RS

O Ministério da Saúde informou, nesta sexta-feira, que existem quatro casos confirmados de reinfecção pela Covid-19 no Brasil. Destes, um ocorreu no Estado do Rio Grande do Sul, de acordo com a pasta. O governo não comunicou detalhes sobre a paciente, mas garantiu que este caso e os encontrados em São Paulo e no Rio Grande do Norte aconteceram por linhagens da doença que já circulavam no país. A Secretaria Estadual de Saúde (SES) do RS disse que ainda não foi informada sobre o caso de nova infecção.  Um caso de reinfecção da Covid-19 exige que o indivíduo apresente dois resultados positivos de RT-PCR em tempo real para o vírus SARS-CoV-2, com intervalo igual ou superior a 90 dias entre os dois episódios de infecção respiratória, independente da condição clínica observada nos dois episódios. 

CTNBio CONFIRMA SEGURANÇA DA VACINA ASTRAZENECA

Vacina Oxford da AstraZeneca para Covid-19: últimos resultados e  detalhamento - Sanar Medicina

A Comissão Técnica Nacional em Biossegurança (CTNBio), do Ministério da Ciência e Tecnologia, afirmou hoje (15) que a vacina contra a covid-19 desenvolvida pela Universidade de Oxford em parceria com a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) é segura. Por lei, cabe ao colegiado emitir parecer sobre a segurança de organismos geneticamente modificados (OGMs), como é o caso do imunizante. A avaliação é uma etapa protocolar e não diz respeito ao uso e liberação comercial da vacina. Pela legislação, nesse caso específico, a decisão sobre o uso comercial cabe à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), cuja diretoria colegiada reúne-se no próximo domingo (17) para deliberar sobre a liberação do uso emergencial do imunizante. A Lei de Biossegurança diz que cabe à CTNBio prestar apoio técnico consultivo ao governo federal em questões de biossegurança. Entre outras funções, o colegiado analisa estudos com OGMs no Brasil, que podem ser plantas transgênicas, vacinas (tanto para humanos quanto para animais), células humanas ou micro-organismos.

AMAZONAS É ABASTECIDA DE OXIGÊNIO

Imagem

O governo do Amazonas espera normalizar a situação do abastecimento de oxigênio nos hospitais do estado neste sábado. A complexidade no transporte dos cilindros de oxigênio é a maior dificuldade, segundo o governador Wilson Lima. Um avião C-130 com mais seis tanques de oxigênio líquido decolou de Guarulhos na noite desta sexta-feira para Manaus. O avião da Azul que está no Recife e iria buscar vacinas na Índia, segue para Campinas para buscar cilindros de oxigênio e levar para Manaus neste sábado. A força-tarefa montada pelo governo estadual e Ministério da Saúde para transportar oxigênio para o Amazonas envolve uma série de protocolos para a segurança dos profissionais envolvidos na operação. Sem ligação terrestre trafegável com o restante do país, a alternativa mais ágil é o transporte aéreo. Mas caso um único cilindro se rompa dentro de uma aeronave, o poder de destruição é similar ao de um míssil.

MEGA SENA PAGA 13 MILHÕES

O concurso 2.335 da Mega-Sena pode pagar um prêmio de R$ 13 milhões para quem acertar as seis dezenas. O sorteio ocorre às 20h deste sábado (16) no Espaço Loterias Caixa, no terminal Rodoviário Tietê, na cidade de São Paulo. A aposta mínima custa R$ 4,50 e pode ser realizada pela internet –  As apostas podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília), em qualquer lotérica do país ou pela internet, no site da Caixa Econômica Federal – acessível por celular, computador ou outros dispositivos. É necessário fazer um cadastro, ser maior de idade (18 anos ou mais) e preencher o número do cartão de crédito. Probabilidades – A probabilidade de vencer em cada concurso varia de acordo com o número de dezenas jogadas e do tipo de aposta realizada. Para a aposta simples, com apenas seis dezenas, com preço de R$ 4,50, a probabilidade de ganhar o prêmio milionário é de 1 em 50.063.860, segundo a Caixa. Já para uma aposta com 15 dezenas (limite máximo), com o preço de R$ 22.522,50, a probabilidade de acertar o prêmio é de 1 em 10.003, ainda segundo a Caixa. Passo a passo para apostar na Mega-Sena pela internet.

  1. Entrar no site da caixa para fazer o cadastro (clique aqui)
  2. Ter CPF em mãos
  3. Ter 18 anos ou mais
  4. Ter e-mail
  5. Ter cartão de crédito
  6. Após criar o cadastro, confirmar os dados ao clicar no link recebido via e-mail
  7. Concluir cadastro e aceitar termos de uso
  8. Apostar

Comentários