AULAS ON LINE

Conselho Nacional de Educação aprova ensino remoto até o fim de 2021 –  Difusora

O Conselho Nacional de Educação (CNE) aprovou nesta terça-feira a prorrogação do ensino remoto na educação básica e superior até o dia 31 de dezembro de 2021. O documento do órgão ligado ao Ministério da Educação (MEC) também não recomenda a reprovação em 2020. É sugerido que se adotem “anos escolares contínuos”, juntando a série em que o estudante está neste ano com a próxima, em 2021. “O reordenamento curricular do que restar do ano letivo de 2020 e o do ano letivo seguinte pode ser reprogramado, aumentando-se os dias letivos e a carga horária do ano letivo de 2021 para cumprir, de modo contínuo, os objetivos de aprendizagem e desenvolvimento previstos no ano letivo anterior” diz o documento. De acordo com a relatora da resolução e conselheira do CNE, Maria Helena Guimarães de Castro, que já foi secretária executiva do MEC, as consequências deste ano “vão levar um tempo para serem resolvidas nas escolas”. “Mesmo que se imagine que haja vacina ano que vem, as escolas precisam se readaptar, é o que todos os países do mundo estão fazendo. É uma flexibilização que dá tranquilidade no replanejamento para 2021”, avalia ela. Algumas redes públicas já anunciaram que juntarão os dois anos letivos, como forma de não penalizar estudantes que não puderam acompanhar o ensino online.

PIX: A REVOLUÇÃO DO PAGAMENTO DIGITAL

Saiba como usar o PIX e o que você ganha com ele – Seleções Brasil

Qualquer banco com mais de 500 mil clientes já está oferecendo um novo cadastro de serviço: o PIX. O novo formato de pagamento bancário do Banco Central, que começa a operar em novembro, é gratuito para uma parcela de usuários e permite transferências a qualquer hora do dia, incluindo domingos e feriados, para qualquer pessoa física e jurídica. A tendência é que com o tempo a novidade – com acesso fácil e taxas menores – provoque a absolência de serviços de pagamentos já existentes, como DOC e o TED. O cadastro de usuários, que iniciou nessa segunda-feira, já mostra um bom indicativo de como o serviço foi recebido: mais de 3,5 milhões de chaves criadas em apenas nove horas, segundo o Banco Central.

VOCÊ SABE COMO ESTA A SUA SITUAÇÃO ELEITORAL?

Faltando cerca de um mês e meio para o primeiro turno da eleição municipal de 2020, marcado para o dia 15 de novembro, é importante que os cidadãos consultem a sua situação perante a Justiça Eleitoral. O título de eleitor pode ser verificado em apenas alguns cliques, no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Após acessar a página do TSE, o eleitor deve procurar uma das abas disponíveis no menu à direita. Há opções como título eleitoral, situação eleitoral e local de votação. Ao clicar em qualquer uma delas, basta informar nome completo, ou número do título ou ainda do CPF, além de data de nascimento e nome completo da mãe. Após isso, a página informará todos os dados necessários, como domicílio eleitoral, zona, seção e endereço do local de votação. Ainda é possível ver se a situação está regular e se foi coletada a biometria, que, no entanto, este ano não será utilizada em função da pandemia do coronavírus.

GENETICISTAS GANHAM NOBEL DE QUÍMICA

Após ano de queda recorde, nº de assassinatos sobe 8% no Brasil nos dois  primeiros meses de 2020 | Monitor da Violência | G1

Duas geneticistas, a francesa Emmanuelle Charpentier e a americana Jennifer Doudna, são as vencedoras do Prêmio Nobel de Química em 2020 por suas pesquisas sobre as “tesouras moleculares”, capazes de modificar os genes humanos, uma descoberta considerada “revolucionária”.  O prêmio deseja recompensar “o desenvolvimento de um método de edição de genes que contribui para o desenvolvimento de novas terapias contra o câncer e pode tornar realidade o sonho de curar doenças hereditárias”, destacou o júri em Estocolmo. A francesa, de 51 anos, e a americana, 56, tornaram-se, assim, a sexta e a sétima mulheres a vencer o Nobel de Química desde 1901. Em junho de 2012, as duas geneticistas e sua equipe descreveram na revista Science uma nova ferramenta, com qual é possível simplificar o genoma. O mecanismo recebeu o nome Crispr/Cas9 e é conhecido como tesouras moleculares. Se a terapia genética consiste em introduzir um gene normal nas células que têm um gene com problemas, como um cavalo de Troia, para que consiga fazer o trabalho do gene que não funciona, o Crispr vai mais longe: em vez de adicionar um gene, modifica o gene existente. Seu uso é fácil, barato e permite aos cientistas “cortar” o DNA exatamente onde desejam, para, por exemplo, corrigir uma mutação genética e curar uma doença rara. A descoberta é recente, mas era citada há alguns anos como uma potencial candidata ao Nobel. A pesquisa, no entanto, enfrenta uma disputa de patentes com o cientista americano de origem chinesa Feng Zhang. Esse imbróglio provocou o receio de que a premiação não fosse acontecer agora. As duas geneticistas já receberam muitos prêmios por esta descoberta: o Breakthrough Prize (2015), Princesa das Astúrias na Espanha (2015) e o prêmio Kavli de nanociências na Noruega (2018). Para William Kaelin, que venceu o Nobel de Medicina no ano passado, esta descoberta genética é uma das maiores da década.

TEM AUXÍLIO EMERGENCIAL HOJE

A Caixa vai depositar nesta quarta-feira  novas parcelas do auxílio emergencial para 3,8 milhões nascidos em março. Serão 2,3 milhões de beneficiários que receberão a primeira parcela extra de R$ 300 e outros 1,5 milhão, a de R$ 600. O pagamento será por meio de depósito em conta poupança digital e o saque liberado em 7 de novembro, de acordo com o calendário do ciclo 3. O primeiro grupo é de cadastrados pelo aplicativo ou CadÚnico, que começaram a receber a ajuda em abril. Já o segundo é de pessoas que entraram no programa a partir de maio. Foi incluído quase meio milhão de cadastros que passaram por reanálise, após contestação no aplicativo do banco ou pela Defensoria Pública da União, no final de setembro. Nesta quinta-feira, o saque de novas parcelas será liberado a 4 milhões nascidos em julho. Esse grupo de beneficiários faz parte do ciclo 2 do calendário, que já concluiu o pagamento em depósito na conta digital, e poderá resgatar da 1ª à 5ª parcela de R$ 600, dependendo da data que entraram no programa. De três parcelas, o benefício passou para cinco de R$ 600 cada, no caso de mãe chefe de família, R$ 1.200. Agora mais quatro com valor menor, de R$ 300, serão pagas até dezembro. Mas só vão receber a extensão do auxílio aqueles que se enquadram nos novos requisitos estabelecidos. Com isso, deixaram de ganhar o benefício extra 21 milhões de pessoas, ou seja, 56% do total de 48 milhões elegíveis para as cinco parcelas de R$ 600. O auxílio já foi pago a 67,7 milhões de pessoas, num total de mais de R$ 219,8 bilhões.

A Mega-Sena voltou a acumular e, assim, a expectativa é de que o próximo concurso pague até R$ 100 milhões de premiação. O sorteio foi realizado na noite deste sábado, em São Paulo. Nenhum apostador acertou as seis dezenas deste fim de semana. Os números sorteados foram: 07-16-22-38-55-57.  Mais de 9 mil apostadores fizeram a quadra, e vão receber R$ 925,37 cada. Já a quina foi feita por 124 apostadores, que irão embolsar R$ 48.190,57. O próximo sorteio da Mega-Sena acontece hoje quarta-feira.

Comentários