GOVERNO FEDERAL REPASSA AO RS SOCORRO PANDEMIA

Chegará aos cofres gaúchos, nesta sexta-feira (11), a última das quatro parcelas do socorro federal aos Estados em virtude da pandemia do coronavírus. O total é de cerca de R$ 546 milhões, sendo que R$ 65 milhões virão carimbados para ações da área da saúde. O restante será usado em custeio. A maior parte irá para o pagamento de salários. Nesta quinta-feira (10), o Palácio Piratini honrou os vencimentos de agosto dos servidores que recebem até R$ 2,2 mil, chegando a 48% da folha. A quitação do restante está prevista para esta sexta-feira (11), menor atraso desde o início do governo de Eduardo Leite, em janeiro do ano passado. Além disso, o recurso federal será destinado, prioritariamente, para o pagamento de fornecedores — o Estado está mantendo o prazo máximo de 45 dias para zerar esse tipo de despesa com cada credor —, manutenção de obras em estradas e custeio da segurança pública.

HOJE TEM R$600,00 DO AUXÍLIO EMERGENCIAL

A Caixa deposita nesta sexta-feira auxílio emergencial de R$ 600 para 4 milhões nascidos em maio. Esse grupo faz parte do ciclo 2 com beneficiários que recebem da 1ª à 5ª parcela, dependendo da data que entraram no programa. Além dos nascidos em maio do último grupo liberado no fim de agosto. Neste sábado, será liberado o saque para 7,6 milhões de beneficiários com data de nascimento em outubro e novembro. A Caixa vai abrir mais de 700 agências para o atendimento do auxílio emergencial, que também pode ser sacado nos caixas eletrônicos e lotéricas. A transferência dos valores, via aplicativo Caixa Tem, para outras contas também estará liberada para esse grupo.  O governo federal anunciou que o auxílio será prorrogado com mais quatro parcelas de valor menor, de R$ 300 cada uma. As cinco primeiras parcelas foram de R$ 600 cada, e de R$ 1.200, para mães chefes de família. O primeiro grupo a receber a 6ª parcela do auxílio de R$ 300 será o do Bolsa Família, a partir da próxima quinta-feira, dia 17. O pagamento das novas parcelas para os demais beneficiários ainda não foi definido pelo Ministério da Cidadania, mas deverá ser incluído no calendário organizado por ciclos de crédito em conta digital e saques em espécie até o final do ano. Os beneficiários recebem a parcela a que têm direito no período de acordo com o mês de nascimento. O pagamento é feito primeiro por débito na conta digital que pode ser movimentada por meio do aplicativo Caixa Tem. Com ele é possível pagar boletos e fazer compras na internet e nas maquininhas em mais de 1 milhão de estabelecimentos comerciais.

COMBUSTÍVEIS BAIXAM DE PREÇO

A Petrobras reduziu mais uma vez os preços dos combustíveis nesta semana. Nesta quinta-feira, foi anunciada queda de 7% do óleo diesel, de 5% da gasolina e de 7,2% do diesel marítimo. As revisões passam a valer a partir desta sexta-feira, para quem retirar os produtos em suas refinarias. Segundo a Associação Brasileira dos Importadores de Combustíveis (Abicom), essa queda significa que o litro do diesel vai ficar R$ 0,1223 mais barato e o da gasolina, R$ 0,0834.O presidente da entidade, Sérgio Araújo, afirmou que, com essa redução, “estão fechadas as janelas para as importações do diesel” e que “para a gasolina, já estavam fechadas”. Essa é a terceira vez que a empresa reduz preços em suas refinarias nos últimos 10 dias. Apenas nesta semana foram anunciadas duas quedas.

BRASIL TEM AUMENTO DE CASOS E RGS DIMINUE

O Brasil contabilizou nas últimas 24 horas um adicional de 983 mortes por Covid-19 e 40.557 casos confirmados da doença, informa o boletim do Ministério da Saúde divulgado no começo da noite desta quinta-feira. Com os novos números, o país acumula 129.552 óbitos por coronavírus e 4.238.446 pessoas com diagnóstico positivo. Deste total, o ministério estima que 3.453.336 já se recuperaram da doença. Outros 616.014 casos ativos continuam sendo monitorados. A taxa de letalidade da Covid-19 no Brasil se mantém em 3,1%. RS – A Universidade Federal de Pelotas (Ufpel) divulgou, nesta quinta-feira, os resultados da oitava – e última – etapa da pesquisa sobre a prevalência do coronavírus em solo gaúcho. Segundo os dados, estima-se que 156.753 pessoas têm o vírus ou já foram infectadas recentemente no Rio Grande do Sul, o que corresponde a um caso de infecção pela Covid-19 para cada 72 habitantes. O resultado é equivalente a 1,4% da população gaúcha. Os dados da pesquisa foram apresentados pelo reitor da UFPel, Pedro Hallal, e pela coordenadora do Comitê de Dados do governo estadual, Leany Lemos. A pesquisa de amostragem populacional aplicou 4,5 mil testes rápidos em moradores de nove cidades gaúchas, garantindo a cobertura de 1/3 da população (30%) do RS. Deste volume de testes, foram registrados 62 positivos (1,38%). A maior concentração dos casos positivos está em Canoas, com 19 casos identificados, seguido de Passo Fundo com 10 casos, e Porto Alegre com nove moradores positivados. Os testes foram aplicados entre 4 e 6 de setembro, mas representam uma leitura epidemiológica de 14 dias atrás.

CASO KISS: ACUSADOS SERÃO JULGADOS JUNTOS

Um dos quatro réus do incêndio da Boate Kiss, Luciano Bonilha Leão, será julgado em Porto Alegre, por decisão do Tribunal de Justiçado Estado (TJRS), que acolheu nesta quinta-feira (10) pedido feito pelo Ministério Público gaúcho. Bonilha era assistente de palco da banda Gurizada Fandangueira, que tocava durante o incidente ocorrido em 27 de janeiro de 2013, em Santa Maria. Com a decisão, todos os acusados serão julgados juntos. O incêndio na boate Kiss foi uma tragédia que matou 242 pessoas e feriu 680 outras numa boate da cidade de Santa Maria, no estado brasileiro do Rio Grande do Sul. A tragédia ocorreu na madrugada do dia 27 de janeiro de 2013, e foi provocada pela imprudência e pelas más condições de segurança no local.

Comentários