VACINA MAIS EFICAZ PELO NARIZ

A humanidade aguarda por resultados otimistas que apontem na direção de vacina, do tratamento e da cura para a Covid-19, que só no Brasil já acumulou três milhões de contaminados e provocou 101 mil mortes.  Ao falar em vacina, a maior parte das pessoas já imagina a agulha no braço. Porém, um estudo do Centro Médico da Universidade de Chicago e da Universidade Duke, publicado na revista científica Science Advances na última sexta-feira (7), aponta outra forma de imunização com potencial de ser mais eficaz e com menos efeitos colaterais. A pesquisa analisou uma plataforma (base da vacina) que usa nanofibras peptídicas de montagem automática marcadas com antígenos, que vão preparar o sistema imunológico contra uma possível invasão. Essas nanofibras podem induzir uma resposta imune e ativar células T (glóbulos brancos) sem o uso de adjuvantes adicionais, responsáveis por causar inflamação em algumas pessoas, e que estão associados a efeitos colaterais comuns de vacinas, como dor no local da injeção ou febre baixa. Em um dos testes para ver como o corpo processava essas nanofibras, o grupo resolveu aplicá-las por via intranasal, uma espécie de spray no nariz.

CEF DEPOSITA FGTS EMERGENCIAL HOJE

A Caixa Econômica Federal deposita nesta segunda-feira (10) o FGTS emergencial para os nascidos em julho. O dinheiro será depositado em conta poupança digital e poderá ser usado pelo aplicativo Caixa Tem para o pagamento de contas, boletos e compras. Quem preferir sacar o valor em dinheiro precisa esperar até o dia 17 de outubro. A Caixa montou dois calendários para cada mês de aniversário para evitar aglomerações nas agências bancárias.  Cada beneficiário pode receber até R$ 1.045 e o calendário foi definido de acordo com o mês de aniversário do beneficiário. A iniciativa do governo federal é uma forma de responder aos impactos econômicos provocados pela pandemia do novo coronavírus. A consulta ao benefício está disponível pelo app FGTS (Android e iOS), pelo internet banking da Caixa, pelo site oficial e pelo telefone 111. É possível checar o valor disponível e qual a data de disponibilização do FGTS.

CAXIAS FARÁ TESTE GRIPAL

Com objetivo de ampliar a testagem para Covid-19 pelo método da Transcrição reversa seguida de reação em cadeia da polimerase (RT-PCR), Caxias do Sul fará parte do projeto Testar RS. Dessa forma, além dos profissionais e idosos residentes em instituições de longa permanência de idosos (ILPIs), profissionais da saúde e contactantes de casos confirmados, por meio do uso do aplicativo “Dados do Bem”, serão testados todo os indivíduos que preencham a definição de síndrome gripal (SG). Considera-se SG quando a pessoa apresenta quadro respiratório agudo, caracterizado por pelo menos dois dos seguintes sinais e sintomas: febre (mesmo que referida), calafrios, dor de garganta, dor de cabeça, tosse, coriza, distúrbios olfativos ou distúrbios gustativos.

GOVERNO INICIA PAGAMENTO DE JULHO

Com mais de 10 dias de atraso, o governo gaúcho dá início, nesta terça-feira (11), ao pagamento dos salários de julho dos servidores do Executivo estadual. O depósito será de R$ 1,5 mil para todos. Com este pagamento, serão quitados os vencimentos de quem recebe líquido até este valor, o que corresponde a 24% dos vínculos do funcionalismo. Os demais servidores, que recebem acima deste valor, receberão o restante dos salários de forma parcelada. No dia seguinte, na quarta-feira (12), será depositada parcela de R$ 3.750. Com isso, serão integralizados os salários de quem recebe líquido até R$ 5.250. O calendário do governo ainda prevê o pagamento de uma nova parcela de R$ 3.250 na quinta-feira (13). O valor será suficiente para completar o pagamento de quem recebe até R$ 8,5 mil líquidos, o que corresponde a 93% dos vínculos. Depois disso, a quitação dos salários está prevista somente para o dia 31 de agosto. Este é o dia em que o governo deposita o saldo restante para 7% do funcionalismo que ganha acima de R$ 8,5 mil líquidos.

PELA 1ª VEZ NA HISTÓRIA PREÇOS DESPENCAM

Com aeroportos vazios e sem passageiros, o setor aéreo enfrenta um período dramático com centenas de aviões parados e prejuízos que somam vários milhões de reais por dia. O quadro negativo, porém, gerou uma situação inédita para o passageiro: nunca foi tão barato voar no Brasil. Em 2020, pela primeira vez na história, o preço médio para voar dentro do país ficou abaixo de R$ 300. Dados da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) revelam que o valor médio das passagens domésticas está em R$ 270,37 por trecho. Esse é o menor valor nominal da série histórica iniciada em 2002. A passagem média deste ano é 19,8% menor que a vista em 2019 e redução chega a 64% na comparação com o início da série há 19 anos. Os números da Anac atualizados até maio mostram que 56,1% dos passageiros que voaram nas rotas domésticas em 2020 pagaram menos de R$ 300. Essa é uma situação inédita. Para comparação: no ano passado, a situação era exatamente inversa e a maioria – 53,7% dos passageiros – pagou mais de R$ 300 para entrar em um avião. Esse fenômeno tem sido gerado pela dramática situação atual do setor aéreo brasileiro. No desespero para tentar aumentar a ocupação dos aviões, as companhias reduziram preços agressivamente. De janeiro e maio, 12,2% das passagens custaram até R$ 100 – uma situação nunca vista na história do mercado aéreo nacional. Proporcionalmente, as passagens de até R$ 100 têm praticamente o dobro da presença vista no ano passado e quase oito vezes mais que uma década antes. Isso quer dizer que 2,8 milhões de passageiros pagaram menos de R$ 100 para voar entre janeiro e maio de 2020.

PRIMEIRA DAMA FAZ TRATAMENTO COM CLOROQUINA E PASSA BEM

Michelle Bolsonaro fez tratamento com hidroxicloroquina e se recupera bem da covid-19, segundo interlocutores do presidente. A primeira-dama está no Palácio da Alvorada desde que foi diagnosticada com a doença, há onze dias. Assim como ocorreu com o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), Michelle está sendo acompanhada pela equipe médica da Presidência da República. Bolsonaro foi diagnosticado com covid-19 em 7 de julho. Outros três testes confirmaram a presença do vírus, até o quarto exame confirmar o fim da infecção. Durante o período em que cumpriu o isolamento social após ter sido diagnosticado, Bolsonaro manteve a rotina de reuniões – todas por videoconferência – no Palácio do Alvorada.  Assim que o presidente foi diagnosticado com covid-19, a primeira-dama e as duas filhas fizeram testes, que inicialmente deram resultado negativo.

Comentários