Vacina de Oxford contra covid 19

Uma vez aprovada por órgãos reguladores, a vacina contra a covid-19 desenvolvida pela Universidade de Oxford e pela farmacêutica AstraZeneca vai representar um novo marco tecnológico na forma como as imunizações são criadas. Isto porque nada parecido foi usado em larga escala até hoje. Tradicionalmente, vacinas demoram vários anos até serem liberadas pelas autoridades de saúde. Serão 15 milhões de unidades em dezembro, além de 15 milhões em janeiro. Mais 70 milhões de doses devem chegar ao país em lotes sequenciais a partir de março. RUSSIA. A Rússia pode ter uma vacina aprovada para a Covid-19 em até  duas semanas. O medicamento poderia estar certificado até a metade de agosto. De acordo com fontes do governo russo, o medicamento, após aprovado, será de domínio público. Especialistas, no entanto, pedem cautela. A Rússia não publicou nenhum estudo científico sobre a vacina. Críticos alertam, também, para uma possível pressão política do Kremlin. Além disso, há chances de os testes em humanos estarem incompletos.

O direito à manifestação pacífica

O Comitê de Direitos Humanos da ONU reafirmou, de maneira enérgica, nesta quarta-feira (29), “o direito à manifestação pacífica” e advertiu contra as alegações de segurança, ou saúde, para impedir esse “fundamento democrático”. O comitê publicou instruções, nas quais especifica o conceito de “manifestação pacífica” e os deveres dos governos, conforme um comunicado. O Comitê de Direitos Humanos da ONU, um órgão independente composto por 18 especialistas, tem a missão de verificar a correta aplicação do Pacto Internacional sobre Direitos Civis e Políticos, cujo artigo 21 afirma o direito a protestar de forma pacífica. “Participar de uma manifestação pacífica para protestar, celebrar, ou reivindicar, é um direito humano fundamental” e constitui “um fundamento de uma sociedade democrática”, afirma o relator do texto, Christof Heyns.

Gramado é o destino mais desejado da América Latina

A cidade de Gramado, na serra gaúcha, é o destino da América Latina mais adicionado nas listas de viagens de turistas do mundo inteiro no site Booking.com durante os meses de maio e junho desde ano. O site permite e estimula usuários para que criem esses rankings próprios indicando quais locais desejariam visitar. Neste levantamento mundial feito pela Booking.com e enviado para a coluna, Gramado ficou em 72º lugar. Da América Latina, além da cidade da Serra, o Rio de Janeiro apareceu no top 100, ocupando a 89º posição, e Cancún, na 92º colocação. Já entre os destinos internacionais mais populares no imaginário de viagem dos brasileiros, Lisboa (Portugal), Paris (França) e Buenos Aires (Argentina) lideram a lista. A Booking.com também analisou os destinos mais desejados em cada região do país. No Sul, as cinco cidades mais adicionadas nas wish lists (listas de desejo, em inglês) são Gramado, Florianópolis, Curitiba, Balneário Camboriú e Canela. Conforme foi noticiado pela coluna recentemente, Gramado tem aparecido, também, na lista de viagens dos brasileiros. Entre maio e junho, os destinos nacionais mais procurados foram, além de Gramado, o Rio de Janeiro (RJ), Campos do Jordão (SP), Monte Verde (MG) e Porto de Galinhas (PE). 

Operação da PF em Caxias do Sul

A Polícia Federal deflagrou nesta quarta-feira (29) a Operação Mercado das Armas. Cerca de 130 policiais federais estão cumprindo 25 mandados de busca apreensão e um mandado de prisão preventiva em nove estados, entre eles o RS. A ação é contra suspeitos de integrarem grupo especializado na prática do crime de tráfico internacional de armas de fogo e acessórios. Em território gaúcho, a operação busca um suspeito em Caxias do Sul. Os demais mandados são cumpridos no Paraná, Ceará, Espírito Santo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo e Sergipe. As medidas judiciais são decorrentes de representação policial perante a 13ª Vara Federal de Curitiba (PR). Durante as investigações, a Polícia Federal identificou a atuação de suspeitos nos estados do Paraná, Minas Gerais e São Paulo.  Na ação, foram realizadas apreensões de armas de fogo e acessórios, escondidos dentro de equipamentos, como rádios, climatizadores e panelas elétricas. Os investigados serão indiciados pelos crimes de tráfico internacional de armas de fogo e acessórios, associação criminosa, falsidade ideológica, uso de documento falso e lavagem de dinheiro. Se forem condenados podem ter penas de até 12 anos de prisão. 

Falsificação de notas falsas

A Polícia Federal (PF) deflagrou nesta quarta-feira (29) a Operação Pirita, com o objetivo de desmantelar um laboratório gráfico dedicado à falsificação de notas de real no Rio Grande do Sul. Foram cumpridos 6 mandados de busca e apreensão em diferentes regiões do RS – 3 em Cruz Alta; 1 em Canela; 1 em Torres e 1 em Três Coroas. As investigações realizadas demonstraram que a organização criminosa utilizava maquinário e técnicas gráficas para produzir o dinheiro falso, simulando os itens de segurança das cédulas verdadeiras de real. Nos últimos 4 anos, a organização criminosa colocou em circulação milhares de cédulas falsas em todo o Brasil. Dados preliminares apontam que mais de 28 mil cédulas falsas de notas de R$ 10, R$ 20, R$ 50 e R$ 100 reais já que teriam sido produzidas e distribuídas pelo grupo. O montante falsificado, em valor de face, atinge os R$ 2 milhões. A PF apreendeu grande quantidade de aparatos para a falsificação de moeda, e mais notas falsas. O líder da organização, que já responde por diversos crimes, inclusive pela mesma conduta, foi preso em flagrante e conduzido à Superintendência da PF no Rio Grande do Sul.

Hoje tem Mega-Sena

O Concurso 2.284 da Mega-Sena pode pagar nesta quarta-feira (29) um prêmio de R$ 6,6 milhões a quem acertar as seis dezenas. O sorteio será realizado às 20h (horário de Brasília), no Espaço Loterias Caixa, no Terminal Rodoviário do Tietê, em São Paulo. As apostas podem ser feitas até as 19h desta quarta-feira nas lotéricas de todo o país, pelo portal Loterias Caixa e pelo app Loterias Caixa, disponível para usuários da plataforma iOS. Caso apenas um ganhador leve o prêmio da Mega-Sena e aplique todo o valor na caderneta de poupança, receberá mais de R$ 8,5 mil apenas em rendimentos mensais. O valor de uma aposta simples, com seis números, é de R$ 4,50.

Comentários