Presidente ainda tem covid 19

O quarto teste para a covid-19 do presidente Jair Bolsonaro deu resultado positivo nesta quarta-feira (22). Segundo a Secretaria Especial de Comunicação Social, Bolsonaro segue com “boa evolução de saúde”. Diagnosticado no dia 7 de julho, Bolsonaro fez mais um exame nesta terça-feira (21). O segundo teste foi feito no dia 15 de julho e o terceiro, no último sábado (18). Ambos resultados foram positivos. Desde o anúncio do primeiro teste para o coronavirus positivoo presidente está em isolamento em um escritório dentro do Palácio do Alvorada, de onde despacha virtualmente com ministros e demais autoridades. Veja a nota oficial da Secretaria Especial de Comunicação Social: “O presidente Jair Bolsonaro segue em boa evolução de saúde, sendo acompanhado pela equipe médica da Presidência da República. O teste realizado pelo presidente no dia de ontem, 21, apresentou resultado positivo”.

Fundeb foi aprovado na Câmara dos Deputados

Em um dia considerado histórico para os educadores e com uma derrota do governo, a Câmara aprovou nesta terça-feira, 21, a prorrogação do Fundo de Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb), principal mecanismo de financiamento das escolas públicas do País. Além de aumentar a quantidade de recursos que a União passa a depositar no fundo, o novo formato diminui a desigualdade, destinando mais dinheiro aos municípios mais pobres. Com as mudanças, 17 milhões de alunos a mais serão beneficiados no País, por meio de recursos para a escolas em que estudam. Foram 499 votos a favor e 7 contra. O Fundeb foi criado em 2007 e expirava no fim deste ano, mas o governo Bolsonaro se recusou a discutir a prorrogação até a véspera da votação, o que chegou a colocar o mecanismo em risco. No sábado, o governo quis destinar recursos do fundo renovado ao Renda Brasil, que ainda está sendo desenhado pela equipe econômica para substituir o Bolsa Família, para driblar o teto dos gastos federais (que não atinge o Fundeb), e ainda limitar o gasto com salário de professores. O fundo funciona como uma conta bancária que recebe 20% do que é arrecadado em impostos, na maioria estaduais, como ICMS e IPVA. Até agora esse dinheiro era dividido pelo número de alunos em cada Estado. O resultado dessa conta não podia ser inferior ao valor mínimo por estudante estipulado pelo governo federal, cerca de R$ 3 mil. Os Estados mais pobres ganhavam ajuda financeira da União, que até hoje representava 10% do Fundeb. Com a aprovação desta terça-feira, o governo federal passa a responder por 23% do total dos recursos, que vai aumentar gradativamente durante seis anos. Outra mudança é que a lógica, que era estadual, passa a ser municipal. Ou seja, municípios pobres em Estados ricos não recebiam essa complementação da União. Segundo cálculos do Todos pela Educação, 2745 redes de ensino e 17 milhões de alunos a mais receberão dinheiro para aumentar o quanto investem por estudante.

CEF libera hoje mais uma cota do auxílio emergencial

A Caixa começa nesta quarta-feira (22) o pagamento de novas parcelas do auxílio emergencial de R$ 600 para 46 milhões de beneficiários, que fazem parte do ciclo 1 do novo calendário. Vão receber hoje a primeira, segunda, terceira e quarta parcelas, por meio de crédito na conta poupança digital, 3,8 milhões nascidos em janeiro. Outro 1,9 milhão que faz parte do Bolsa Família, com o NIS final 3, também recebe a quarta parcela do auxílio nesta quarta-feira Esse grupo segue o calendário regular de pagamento do programa, que é realizado nos dez últimos dias úteis de cada mês, de forma escalonada. Para os demais que se cadastraram pelo aplicativo e site da Caixa ou CadÚnico, foi criado calendário organizado em ciclos de crédito e saque, de acordo com o mês em que o trabalhador recebeu a primeira parcela do benefício ou o período de inscrição no programa. O calendário de depósito na conta digital começa nesta quarta e o de saque, no sábado (25), e vai até dezembro para as cinco parcelas definidas pelo governo federal. O valor é de R$ 600, mas para mães chefes de família chega a R$ 1.200. Fundo de Garantia por Tempo de Serviço – FGTS: O novo saque tem como objetivo enfrentar o estado de calamidade pública em razão da pandemia de covid-19. No total, serão liberados, de acordo com todo o calendário, mais de R$ 37,8 bilhões para aproximadamente 60 milhões de trabalhadores. O pagamento do saque emergencial será feito por meio de crédito na Conta Poupança Social Digital, aberto automaticamente pela Caixa em nome dos trabalhadores. O valor do saque é de até R$ 1.045, considerando a soma dos saldos de todas as contas ativas ou inativas com saldo no FGTS. 

Novo cometa poderá ser visto

Um novo cometa descoberto pela Nasa, no dia 27 de março, vem deixando um rastro luminoso no céu do hemisfério norte e, agora, pode se tornar visível para moradores da ala sul do globo. Atualmente, o Neowise percorre sua trajetória de volta aos confins do universo, mas, nesse percurso, ele se torna mais visível para os brasileiros.  Localidades das regiões Norte e Nordeste poderão vê-lo com maior nitidez. No Rio Grande do Sul, com sorte e com o auxílio de um binóculo, também será possível enxergar o fenômeno por volta de sexta-feira (24), com esse período se estendendo até agosto.  Também batizado do C/2020F3, o cometa foi identificado pela sonda espacial homônima da Nasa. Há expectativa de que ele possa, até mesmo, ser visto a olho nu aqui no Estado, mas isso depende das condições climáticas do dia e também do próprio cometa. Por ele ser novo, pouco se sabe sobre seu comportamento. Por isso, pode estar sujeito a pequenas explosões do seu núcleo, o que pode provocar a liberação de gases e, consequentemente, o aumento repentino de seu brilho, explica o astrofísico Luiz Augusto da Silva: — Pode ser que ele traga essa surpresa e sejamos beneficiados. Essa possibilidade não é descartada. Contudo, esse cometa passou por seu periélio (momento da rota em que o um corpo celeste está mais próximo do sol) em 3 de julho. Foi nesse momento que ele recebeu mais calor e energia do sol. Foi nesta etapa, que o Neowise conseguiu absorver e reemitir com mais intensidade a luz do sol. Com o passar dos dias, ele perde sua luminosidade.  Marcelo Zurita, diretor-técnico da Brazilian Meteor Observation Network, afirma que os interessados em acompanhar a trajetória do cometa precisarão torcer para um dia sem nuvens e terão de acrescentar uma dose de paciência e de atenção:  — No hemisfério sul, ele será visto após o pôr do sol. Por volta das 18h, 18h30min. Procure ficar em um lugar que não tenha obstáculos para a visualização do horizonte. Por isso, opte por lugares altos, como topos de prédios ou morros. Fique posicionado de frente para o sol, mas olhe para a posição noroeste. Se for usar binóculo, tenha muito, mas muito cuidado para não apontar para o sol porque isso pode causar sérios problemas de visão — pontua. 

Governo faz aporte bilionário para o Bolsa Família.

Governo Federal destinou crédito extraordinário de R$ 3.419.598.000 para os ministérios da Cidadania, Defesa, Relações Exteriores e Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações. Os recursos serão usados em ações de combate à pandemia causada pelo novo coronavírus (Covid-19). A Medida Provisória destinando a verba foi publicada em edição extra do Diário Oficial da União (DOU). Do valor total, R$ 3.037.598.000 serão direcionados ao programa Bolsa Família, garantindo recursos para a inclusão de 1,2 milhão de novas famílias e levando o benefício a 14.290.000 famílias no mês de abril, um recorde do programa. “A Medida Provisória publicada permite que, neste momento difícil das famílias brasileiras em virtude do coronavírus, mais 1,2 milhão de famílias sejam inseridas no programa. São famílias que têm vulnerabilidade e que o Bolsa vai proteger”, afirmou o ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, que também afirmou que os novos recursos garantem a ampliação de quase 12% na proteção às famílias carentes da região Nordeste. “Isso comprova a atenção que o governo do presidente Bolsonaro sempre teve pela população nordestina. Estamos combatendo a pobreza e a extrema pobreza no Nordeste brasileiro”.

O GRENAL da pandemia

Ao que tudo indica, o Campeonato Gaúcho recomeça nesta quarta-feira (22). À noite, Internacional e Grêmio se enfrentam em um Grenal de excepcionalidades. A partgir das 21:30hs a dupla GRENAL se enfrenta no Centenário de Caxias do Sul.  Além do tradicional mistério que cerca um clássico, o Grenal 425 tem um ingrediente a mais: a parte médica. Em meio à pandemia, um jogador do Inter e outro do Grêmio testaram positivo para a Covid-19 às vésperas da partida. Os departamentos médicos não confirmaram os nomes, mas eles foram afastados e deram início ao período de quarentena. Ambas as equipes se deslocaram para a Serra à tarde, depois dos treinamentos. Após 80 dias de treinos, predominantemente físicos, os técnicos Eduardo Coudet e Renato Portaluppi são obrigados a realizar algumas mudanças na escalação devido às ausências por problemas médicos. Um dos protocolos adotados para o retorno do Gauchão é limitar o número de jogadores que viajam a 17. Além dos 11 titulares, os treinadores terão seis opções no banco de reservas. Devido à pandemia, a Fifa autorizou que os times possam realizar cinco alterações ao longo dos jogos, podendo ser feitas em três momentos.

Comentários