Novas regras para RS

Planejado inicialmente para entrar em vigor em 1º de maio, o novo modelo de estratégia para prevenir a transmissão de coronavirus no Rio Grande do Sul pode levar alguns dias mais para sair do papel e entrar em vigor. O chamado distanciamento social controlado, com regras próprias para cada microrregião, exige ainda negociação com prefeitos e setores econômicos antes de ser finalizado e colocado em prática. Regiões com um alto número de casos podem ter normas mais restritivas antes mesmo da publicação do novo decreto. É o caso do Norte do RS, onde fica Passo Fundo, com 103 infectados confirmados e 11 mortes, e Marau, com 49 infectados e uma morte; e do Vale do Taquari, onde está Lajeado, que já contabiliza 56 infectados e três mortes. Individualmente, as três cidades só ficam atrás de Porto Alegre. Entre as definições já tomadas, está a regionalização, ao máximo, do Estado, no novo modelo de distanciamento social. O Piratini trabalha com a divisão do mapa gaúcho em até 21 microrregiões— e não mais em sete ou nove, como era imaginado até a semana passada. O aumento no número de regiões permitirá que se mantenham regras mais flexíveis para o comércio em cidades que estão à média distância dos focos da doença no Estado.

TESTES:

A segunda fase de aplicação de exames rápidos da pesquisa começou no sábado (25) e se encerrou nesta segunda-feira (27). Com base no que já foi coletado, o coordenador-geral do trabalho, o epidemiologista e reitor da UFPel, Pedro Curi Hallal, disse que a prevalência da covid-19 na população ainda é baixa. Isso não significa, no entanto, que o Estado esteja livre de viver momentos piores.

Bolsonaro nomeia as vagas

O presidente Jair Bolsonaro nomeou nesta terça-feira, 28, o advogado André Mendonça (foto) para o Ministério da Justiça e Alexandre Ramagem (foto) para o cargo de diretor-geral da Polícia Federal. As indicações foram publicadas na edição de hoje do Diário Oficial da União (DOU) Antes de ser nomeado ministro da Justiça, Mendonça estava à frente da Advogacia Geral da União (AGU) e Ramagem, amigo dos filhos do presidente, era diretor da Abin (Agência Brasileira de Inteligência). Ele comandou a segurança do então candidato Bolsonaro durante a campanha de 2018.

Estado paga hoje

O Tesouro do Estado depositou, nesta terça-feira (28/4), uma nova parcela dos salários de março dos servidores do Poder Executivo. O pagamento no valor de até R$ 2,5 mil foi disponibilizado nas contas dos servidores que recebem acima de R$ 5,5 mil (quem recebe até esse valor teve o salário quitado no dia 14 de abril). Com o novo pagamento, o governo do Estado quita a folha para quem recebe líquido até R$ 8 mil, o que representa 92% dos vínculos. O próximo depósito está previsto para quinta-feira (30/4), quando o Tesouro quitará integralmente a folha de março.

CEF libera pagamento do auxílio emrgencial

Os saques em dinheiro do auxílio emergencial de R$ 600 pago a trabalhadores de baixa renda afetados pela crise do coronavirus começaram na segunda-feira (27) e seguem até o dia 5 de maio. Nesta terça-feira (28), quem recebe são os nascidos em março e abril. O calendário foi escalonado pela Caixa Econômica Federal para evitar aglomerações, e a ordem dos repasses é definida pelo mês de nascimento dos beneficiários. Os valores podem ser resgatados sem a necessidade de cartão em lotéricas e caixas eletrônicos. Para isso, segundo a Caixa, o interessado deverá acessar o aplicativo Caixa Tem — criado exclusivamente para isso — e informar quanto quer sacar. A partir daí, será gerado um código autorizador para a retirada em caixa eletrônico ou lotérica. Ou seja: não é preciso correr ao banco para tirar o dinheiro. A Caixa destaca que não é obrigatório fazer o saque, porque o dinheiro depositado na poupança digital pode ser movimentado por meio do aplicativo, para pagamento de boletos e contas domésticas. Também é possível fazer transferências ilimitadas para outras contas do mesmo banco e transferências mensais gratuitas para outras instituições bancárias nos próximos 90 dias.

Calendário de saques

Terça-feira (28) – nascidos em março e abril

  • Quarta-feira (29) – nascidos em maio e junho
  • Quinta-feira (30) – nascidos julho e agosto
  • 4 de maio – nascidos em setembro e outubro
  • 5 de maio – nascidos em novembro e dezembro

Comentários