Governo gaúcho cria Escola Pública de Trânsito

Em alusão à Semana Nacional do Trânsito, iniciada nesta quarta-feira, ontem, o governo do Estado anunciou a criação da Escola Pública de Trânsito, em Porto Alegre. A instituição de ensino funcionará a partir de março de 2020 como uma escola normal, em ano letivo, e oferecerá um currículo exclusivo sobre educação no trânsito a estudantes de todas as idades. Ainda não está definido onde a escola será implantada, mas possivelmente será em uma área de propriedade do Estado na rua João Alfredo, no bairro Cidade Baixa. O Departamento Estadual de Trânsito (Detran-RS) tampouco detalha como será o currículo e se as aulas serão teóricas ou práticas. Além das aulas presenciais na escola, haverá lições a distância, para o Interior. Também haverá uma unidade móvel que oferecerá as aulas em municípios do Interior – a “Ônibas”, um ônibus com cílios gigantes que caracterizam o sexo feminino, conhecidamente mais prudente no trânsito do que o masculino. “O comportamento da mulher no volante sofre com estigmas, mas, na verdade, elas se comportam muito melhor no trânsito. A Ônibas levará a todos os cantos do Estado a educação no trânsito”, enfatiza o governador Eduardo Leite. Cerca de 91% dos acidentes com morte ou lesões graves envolvem homens na direção.

1ª brasileira vence prêmio da ONU

A baiana Anna Luisa Beserra, de 21 anos, acaba se tornar a primeira brasileira a vencer o prêmio Jovens Campeões da Terra, principal premiação ambiental das Nações Unidas para jovens entre 18 e 30 anos. A homenagem acontecerá em um baile de gala marcado para o dia 26, durante a Assembleia Geral da ONU, em Nova York. Acostumada a laboratórios químicos e termos científicos desde a adolescência, Beserra explica com simplicidade a invenção para aqueles nunca viram um tubo de ensaio na vida. “A gente passa protetor quando vai à praia justamente para nos protegermos contra a radiação ultravioleta. Em humanos, ela causa câncer de pele. Mas, para vírus e bactérias, ela é letal. A gente aproveita a mesma radiação ultravioleta para fazer o tratamento na água, que passa a ser potável”, diz.

PIS – PASEP liberados

A Caixa Econômica Federal começa a pagar nesta quinta-feira, 19, o abono salarial do PIS a nascidos em setembro. Servidores públicos com inscrição final 2 também recebem o abono do Pasep pelo Banco do Brasil, que faz o pagamento a funcionários públicos com número de final 1. O abono do PIS/Pasep é devido a quem, em 2018, trabalhou ao menos 30 dias com carteira assinada e recebeu, em média, até dois salários mínimos (1.908 reais na época) durante o ano. Para receber o abono, além de ter trabalhado durante o ano passado, é preciso ainda estar inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos e ter os dados atualizados pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais) ano-base 2018. O valor do abono varia conforme o número de meses trabalhados. Recebe um salário mínimo (998 reais) quem trabalhou durante os 12 meses de 2018. Portanto, quem trabalhou um mês no ano-base 2018 receberá 1/12 do salário mínimo (84 reais) e assim sucessivamente.

Comentários