Vigário de Vila Flores é nomeado bispo

Na manhã desta quarta-feira, dia 26 de setembro, foi divulgada a nomeação do Frei Cleonir Paulo Dalbosco a bispo. Atualmente ele ocupa o cargo de vigário paroquial da Paróquia Santo Antônio, em Vila Flores, e é o diretor geral da Pousada dos Capuchinhos. A nova missão será na diocese de Bagé. Há 30 anos um capuchinho não é ordenado bispo.

O prefeito Vilmor Carbonera, o vice-prefeito Rudimar Peruzzo, e o coordenador de serviços turísticos e da Casa do Artesão, Levino Paludo, estiveram na Pousada, pela manhã, para parabenizar o sacerdote pela conquista. ?É uma honra para Vila Flores poder tê-lo aqui neste momento tão importante. Agradecemos por tudo que tem feito pelo município e nos colocamos à disposição?, ressaltou Carbonera. Estiveram presentes também o pároco do município, Frei Lori Vergani, e os bispos da diocese de Caxias do Sul, Dom Alessandro Ruffinoni, e de Rio Grande, Dom Ricardo Hoepers.

O processo para esta definição não é simples. Há cerca de três anos ele sabia que tinha o nome cotado para o cargo. ?Diversos nomes são sugeridos e passam por uma seleção até restarem apenas três. Estes são analisados pelo Papa, que escolhe quem nomeará?, explica o frei. Ele conta que já sabia da notícia a cerca de um mês, mas precisou guardar a informação até que fosse oficialmente divulgada pelo Vaticano. A notícia foi publicada no Jornal L?Osservatore Romano, de Roma.

Desde o anúncio da nomeação as ligações recebidas têm sido constantes, entre elas a da mãe teve destaque. Ela soube da novidade e ligou para confirmar com o filho se era verdade. ?Ela disse que agora vai viver mais 100 anos. Meus pais ficaram muito felizes?, conta o frei Cleonir. A cerimônia de ordenação deve ser realizada dentro dos próximos três meses, em Barros Cassal, terra natal do franciscano.

Fonte: Vila Flores

Comentários

Deixe uma resposta